....

terça-feira, 4 de novembro de 2008

TALVEZ NÃO ME TENHA DADO CONTA...


TALVEZ NÃO ME TENHA DADO CONTA DOS MOMENTOS LINDOS QUE PASSEI, TALVEZ ME TENHA PRECIPITADO OU ERRADO. MAS A VIDA É MESMO ASSIM E OS ERROS SERVEM DE APRENDIZADO NO FUTURO. A QUESTÃO É: QUANTO TEMPO DEMORAMOS A CHEGAR AO TOTAL APRENDIZADO? SE É QUE LÁ CHEGAMOS, UM DIA…
NESSE MEIO TEMPO, PODEMO-NOS PERDER PELOS CAMINHOS DA VIDA. UM SER ERRANTE FIEL AO SEU CORAÇÃO. OU TALVEZ NÃO… TALVEZ TENHAMOS A CORAGEM DE VESTIR A FRIA CAPA DA INDIFERENÇA, DO SARCASMO, DA PALAVRA CORTANTE OU DO OLHAR GELADO.
COMO CLASSIFICO ISTO? UM SER NÃO ERRANTE INFIEL AO SEU CORAÇÃO!

Manuela Fonseca (Julho 2008)

3 comentários:

Nilson Barcelli disse...

Estamos sempre a aprender.
Se só tomássemos decisões quando sabemos tudo, nunca mais decidíamos nada... porque saber tudo é impossível.
Para além disso, nunca é tarde para aprender... ainda que seja à custa dos erros...
Beijinhos.

Luis F disse...

E tão verdade amiga, tudo aquilo que escreves... um grande momento, para olharmos para tras e recordar sempre os bons momentos que passamos.

Com amizade
Luis

Nilson Barcelli disse...

Passei para ver as novidades...
Como não há, deixo-te beijinhos.